• Sofia Botelho

Uma receita aconchegante: Porta-copos Ítaca

Atualizado: Abr 19

Queria inaugurar o blog com uma receita aconchegante. Como sou uma fã de chás, pensei logo em um porta-copos, item de decoração que adoro fazer em crochê! Um dia, acordei às 5h da manhã com uma ideia, preparei um cházinho e fui testá-la ao som da trilha sonora do sabiá-laranjeira chamando o amanhecer. Apesar de ser um item aparentemente simples, fiz vários testes até chegar no resultado final.

Aprendi essa combinação de pontos com um livro de crochê e logo percebi que ela seria perfeita para um porta-copos, pois ela cria uma trama fechada e firme. Eu queria que a primeira receita aqui do blog fosse de nível iniciante, e essa combinação de ponto baixo com ponto alto me pareceu perfeita! É simples, mas diferente e muito delicada. Adoro brincar de combinar cores, então fui testando as formas como a cor secundária poderia destacar as peculiaridades dessa trama. Assim nasceu o porta-copos Ítaca!



Esse é um projeto muito interessante pois permite que aproveitemos aqueles restinhos de fio que ficam sem destino nas nossas gavetas. Escolha duas cores e brinque com as possibilidades! Você também pode fazer ele todo liso, em uma cor só, ou até combinar três cores. O céu é o limite! Eu particularmente gostei do efeito com as duas cores, em especial com a cor principal em um tom mais escuro do que a cor secundária.


Materiais


  • Duas cores de Balloon (100g) ou Balloon Amigo (50g) da Pingouin

[Composição: 58% algodão, 42% acrílico)

Cores do modelo: 5217 - Itapuá (Cor principal) ; 784 - Banana (Cor secundária)

  • Agulhas de crochê 2.5mm e 3.5mm

  • Agulha de tapeçaria

  • Tesoura



Abreviações:

corr: correntinha

pb: ponto baixo

pa: ponto alto

pbx: ponto baixíssimo

Observações:

  • Conforme está escrito na receita, sugiro utilizar uma agulha maior (agulha 3.5mm) para as correntinhas da base para o seu trabalho não ficar apertado na base e deformar o quadrado. No restante da receita, utilizaremos a agulha 2.5mm.

  • As dimensões do quadrado são 10x10cm. Você pode experimentar com outros fios, é só fazer o número de correntinhas e carreiras que corresponda a essas dimensões! Ah, lembrando que se você precisar de mais correntinhas para alcançar os 10cm, suas correntinhas iniciais devem ser em número ímpar.

  • O padrão de pontos da receita é 1pb, 1pa. Você irá trabalhar sempre o ponto baixo sobre o ponto alto da carreira anterior, e o ponto alto sobre o ponto baixo da carreira anterior, alternadamente.

Receita

Com a agulha 3.5mm faça 21 corr no fio da cor principal.

Agora vamos trabalhar com a agulha 2.5mm.


Carreira [1] : Faça 1 pb na segunda corr a partir da agulha, 1 pa na corr seguinte e repita esse padrão (1pb, 1pa) até o final (20 pontos).


Carreira [2]: Faça 1 corr de subida, vire o trabalho e siga fazendo (1pb, 1 pa) até o final da

carreira.

Montagem das correntinhas Carreira 1


Carreiras [3-6]: Repita a carreira 2. Na carreira 6, antes de finalizar o último pa, lace o fio da cor secundária e feche o pa com o novo fio.

Carreiras [7-10]: Faça 1 corr de subida, vire o trabalho e siga fazendo (1pb, 1pa) até o final da carreira. Troque para a cor principal ao finalizar o último pa da carreira 10.


Carreiras [11-16]: Com a cor principal, repita a carreira 2.

Iniciando a faixa com a cor secundária (Carr 7) Voltando para a cor principal (carr 11)


Carreira [17] - a borda: para fazer a borda, faça uma corr de subida, não vire o trabalho e siga fazendo 1pbx ao longo da borda do quadrado. Nas quinas, faça 1 pbx, 2 corr, 1 pbx.


Iniciando a borda


Para finalizar a borda, termine a última quina e arremate o fio. Faça um pbx de acabamento da seguinte maneira (vide fotos): introduza a agulha por baixo do "v" do segundo pbx da carreira de borda. Depois volte com a agulha pelo centro do último pbx da carreira de borda. Pronto! Você criou um pbx de acabamento. Agora é só esconder os fios.

Ponto baixíssimo de acabamento


Dica: para o seu porta-copos ficar um quadrado bem retinho, você pode blocá-lo. A blocagem é um processo no qual lavamos o trabalho e o estendemos sobre uma superfície (pode ser um tapete de EVA, de ioga ou até um colchão, posicionando o trabalho sobre uma toalha). Colocamos alfinetes nas extremidades do trabalho, para deixá-lo bem retinho. Ao secar assim, os pontos tomam a forma definitiva e as extremidades ficam retinhas. Você encontra informações completas sobre o processo de blocagem nesse post do blog da Amanda Ourofino.




"Você nunca encontrará uma xícara de chá grande o suficiente ou um livro longo o suficiente para me satisfazer." - C.S. Lewis
“You can never get a cup of tea large enough or a book long enough to suit me.” - C.S. Lewis



Eu adoro usar meus porta-copos de crochê para apoiar a caneca quando estou lendo um bom livro. Na minha mesa de cabeceira, ao lado do sofá, na mesa do ateliê, sempre tenho um porta-copos à disposição esperando uma boa xícara de chá. Espero que vocês gostem e que suas xícaras de chá fiquem bem aconchegadas! Agora é só preparar o seu cházinho.


Se você postar o resultado, não esqueça de usar as hashtags #fizemitaca e #portacopositaca , vou adorar ver o seu porta-copos!

567 visualizações

©2020 por Ateliê Ítaca.

Todas as fotos e textos publicados são produzidos por Sofia Botelho, do Ateliê Ítaca, exceto quando sinalizado.